“STAR TREK CONTINUES : To Boldly Go – I & II” (“STAR TREK CONTINUES : O EPISÓDIO FINAL”) James Kerwin / Vic Mignogna (2017) EUA

Se alguma vez imaginaram como teria sido o último episódio da série Star Trek original se nos anos 60 esta não tivesse sido cancelada ao fim de três temporadas, então a minha recomendação para hoje que regresso a este blog passado quase um ano, é o “filme” certo para vocês.

stc00_poster

Se alguma vez imaginaram como acabaria a série quando Kirk e Spock completassem os tais cinco anos da sua missão tão continuadamente referidos na introdução de cada episódio e a Enterprise regressasse de vez à Terra, então não deverão de todo agora deixar de ver [“STAR TREK CONTINUES : To Boldly Go – I e II”] pois é absolutamente extraordinário em todos os sentidos.

star_trek_continues_tbg-01

star_trek_continues_tbg-02

Na verdade, [“STAR TREK CONTINUES : To Boldly Go – I e II”] faz-nos ficar contentes por a série nos anos 60 nunca ter podido completar as cinco temporadas de exibição, pois se esta não tivesse sido cancelada décadas atrás não teríamos agora uma conclusão como esta.
[“STAR TREK CONTINUES : To Boldly Go – I e II”] não só consegue apresentar uma conclusão extraordinariamente bem pensada para as aventuras clássicas originais da Enterprise, como inclusivamente faz a ponte perfeita não apenas entre o primeiro filme para cinema produzido no final dos anos 70 mas também com Star Trek TNG exibida nos anos 80 e 90.

star_trek_continues_tbg-03

O primeiro filme para cinema “STAR TREK THE MOTION PICTURE” ainda hoje detestado por tanta gente quanto adorado por quem veio a descobri-lo ao longo dos anos foi na altura considerado um produto TREK demasiado estranho; principalmente por se ter afastado por demais da estética e da atmosfera da série original, tanto no design dos sets para a Enterprise como principalmente no estilo dos uniformes e até na caracterização psicológica dos personagens clássicos; naquilo que muita gente considerou ser uma visão demasiado cinzenta quando comparada com o espírito da série dos 60s.

star_trek_continues_tbg-26 star_trek_continues_tbg-24

Além disso “STAR TREK THE MOTION PICTURE” apresentava também os personagens com novas características, Kirk já não era o clássico capitão da Enterprise mas sim Almirante, Spock tinha-se tornado demasiado frio (até para ele) e McCoy mais parecia um extra saído de uma qualquer discoteca a meio dos anos 70 do que o popular médico da série original quando aparece pela primeira vez em cena.

startrekcontinues-logo

O primeiro filme para cinema surgiu quase do nada, com mudanças demasiado bruscas e nunca explicou o que tinha ocorrido entre a aventura decorrida na série que supostamente teria percorrido cinco anos e o que levou cada personagem a seguir o rumo com que foi depois introduzido em “STAR TREK THE MOTION PICTURE”.
Ora é aqui que entra “STAR TREK CONTINUES“, série web independente sem qualquer propósito lucrativo que se propôs desde o seu início, não só a recriar o estilo visual dos episódios clássicos da série dos anos 60 como principalmente teve o objectivo de tentar ligar a aventura televisiva original ao ambiente depois mais tarde apresentado no primeiro filme para cinema.

startrekcontinues-cast2

Ora bem, se a ideia era a de preencher todos os buracos e responder a todas as questões que estiveram na imaginação do fãs durante décadas, o episódio duplo final de “STAR TREK CONTINUES“, entitulado “TO BOLDLY GO – PART I ” e “TO BOLDLY GO – PART II” não poderia ter sido mais perfeito, surpreendente e extraordinário.
Pessoalmente considero-o o melhor “filme” de STAR TREK , ou pelo menos a melhor história da saga que vi em muitos, muitos, MUITOS anos.
A ligação que esta equipa criativa de actores, técnicos ou simplesmente fãs voluntariamente e como hobby conseguiu produzir entre os episódios clássicos e primeiro filme para cinema é simplesmente notável.

stc11_poster

STAR TREK CONTINUES” é/foi uma produção independente amadora com pouco dinheiro,  financiada por Kickstarter e donativos privados de fãs ao longo de vários, produzido por profissionais e semi-profissionais do ramo cinematográfico , televisivo e não só.
Há muito para contar sobre as origens desta produção “amadora”, por isso se nunca ouviram falar disto e quiserem saber mais sobre ela recomendo que depois não deixem de ler o meu outro post sobre STAR TREK CONTINUES. A web-serie que agora com este episódio final conseguiu dar-nos aquele TREK que andava ausente à muito tempo em termos de imaginação, e emotividade.
O episódio acaba, a ligação com o filme está feita mas ficamos com imensa vontade de continuar a ver mais. Infelizmente a produção está encerrada pois já cumpriu o seu propósito. Não podia ter fechado melhor.

star_trek_continues_tbg-20 star_trek_continues_tbg-08

E estão agora a ler isto, escrito por alguém como eu que já não pode mais com Star Trek moderno. Achei piada aos filmes recentes, mas acho que o conceito está tornar-se demasiado repetitivo e a parecer-se cada vez, mais com um comic book de super herois americano do que com um objecto de ficção científica.
[“STAR TREK CONTINUES : To Boldly Go – I e II”] foi por isso para mim uma enorme surpresa, pois nem imaginava que ainda houvesse criatividade e magia para criar empatia com quem já não tem mais pachorra para as encarnações sucessivas da saga.

star_trek_continues_tbg-23 star_trek_continues_tbg-25

[“STAR TREK CONTINUES : To Boldly Go – I e II”] é para mim não só uma obra prima do “cinema” independente “amador” moderno como fez-me voltar a mergulhar por completo naquele universo esquecendo por completo estar a ver apenas uma produção televisiva e não me lembro de ter tido uma sintonia tão grande com a série desde que era criança e via os episódios antigos; ou talvez desde também “STAR TREK V – THE FINAL FRONTIER” que eu pessoalmente considero o melhor TREK para cinema apesar da sua má fama.

star_trek_continues_tbg-16jpg star_trek_continues_tbg-11

Sem querer estragar as surpresas, fica no entanto aqui o aviso, [“STAR TREK CONTINUES : To Boldly Go – I e II”] é TREK para quem conhece bem a série. Tanto os episódios originais, quanto o primeiro filme e até alguma coisa sobre TNG.
Portanto se nunca foram fãs da série dos anos 60, o primeiro filme não lhes diz nada ou nem gostam particularmente dele e nem fazem ideia do que quer dizer TNG então ignorem esta minha recomendação pois este post não é para vocês.
No entanto, se pelo contrário estão a par de todas as referências associadas aos primeiros anos de Star Trek quando ainda William Shatner , Leonard Nimoy e DeForest Keley eram a alma dos episódios então só mais um conselho…

star_trek_continues_tbg-13 star_trek_continues_tbg-10

Antes de verem [“STAR TREK CONTINUES : To Boldly Go – I e II”] não deixem de ver os episódios 8 episódios anteriores desta web-serie pois introduzem um personagem ou dois novos que não apenas são excelentes e poderiam ter mesmo pertencido à serie antiga como também são determinantes para o impacto emocional da forma como esta série amadora faz a ligação com o primeiro filme para cinema e com TNG.

star_trek_continues_tbg-22 star_trek_continues_tbg-09

Imprescindível também é reverem o episódio clássico “WHERE NO MAN HAS GONE BEFORE“, que na altura nos anos 60 foi o segundo episódio piloto filmado ainda apenas com Kirk e Spock e sem qualquer outros personagens conhecido que só viriam a entrar depois.

wherenoman

Conhecerem bem o episódo inicial da série dos anos 60 “WHERE NO MAN HAS GONE BEFORE” é agora imprescindível para disfrutarem por completo do que [“STAR TREK CONTINUES : To Boldly Go – I e II”] tem agora para os surpreender e maravilhar com o que consegue fazer em termos de pontas soltas e referências que só quem sabe do que estou a falar irá captar, perceber e dar ainda mais valor ao que foi conseguido nesta web-serie moderna em total modo retro-scifi.

star_trek_continues_tbg-06 star_trek_continues_tbg-15

Não posso terminar sem deixar de referir o trabalho dos novos actores que agora encarnam os velhos personagens.
Vic Mignogna , autor, produtor, carpinteiro, editor e mais um monte de coisas na série é o actor que protagoniza James T.Kirk e é simplesmente extraordinário. Não passará muito tempo sem que vocês se esqueçam por completo que não estão a ver Shatner no papel.
Vic Mignogna consegue nesta série o impossível, encarnar o Kirk original sem nunca precisar de fazer uma imitação forçada de Shatner e muito menos uma caricatura. O James Kirk de Vic Mignogna é simplesmente o Kirk que conhecemos e mais uma vez lhes digo que não passará muito tempo sem que vocês se esqueçam que não estão a ver o actor original neste papel.

star_trek_continues_tbg-12 star_trek_continues_tbg-21

Surpreendentemente, o mesmo vale para o resto do elenco. Todos à sua maneira incorporam os personagens originais, fazendo-nos esquecer por completo que estamos a ver uma recriação moderna de uma série antiga. Até mesmo Spock, o que não deixa de ser notável. A série conta inclusivamente com Chris Doohan sobrinho do actor original James Doohan que interpretou Scotty e que aqui substitui o seu tio no mesmo papel com resultados perfeitos.

star_trek_continues_tbg-05 star_trek_continues_tbg-19

E perfeito é o termo que melhor resume este episódio final de “STAR TREK CONTINUES“.
Só é mesmo pena ter acabado. Por outro lado não podia ter acabado melhor.

——————————————————————————————————

CLASSIFICAÇÃO

[“STAR TREK CONTINUES : To Boldly Go – I e II”] fecha com chave de ouro esta produção independente e consegue muito para lá de todas as nossas expectativas concluir a série original ligando-a de forma fantástica com o primeiro filme para cinema STAR TREK THE MOTION PICTURE.
Não agradará a quem não conhecer em detalhe o universo clássico Trek mas para quem sempre imaginou o que poderá ter acontecido aos personagens entre a série e o primeiro filme este episódio final é absolutamente notável.

Cinco Planetas Saturno e um Gold Award



     

Se não gostam de Star Trek mas querem ver como é que se pode fazer cinema ou televisão de baixo orçamento financiado por campanhas de crowdfunding, então do que estão à espera ?

Fanfilm - Stc 01 -cast


A favor:
a forma como conclui a série dos anos 60 original e faz a ligação com o primeiro filme para cinema é simplesmente notável, tudo o resto, actores, história, design de produção, efeitos, estilo retro.

Contra: [“STAR TREK CONTINUES : To Boldly Go – I e II”] depende totalmente do vosso conhecimento da série clássica e dos pormenores encontrados também no filme STAR TREK THE MOTION PICTURE e não irá agradar ao público genérico que não tenha qualquer referência pormenorizada para disfrutar do incrivel detalhe presente nesta história que liga não apenas a serie ao primeiro filme como também referencia muita coisa que veio depois.

——————————————————————————————————

NOTAS ADICIONAIS

STUDIO WALKTHROUGH

——————————————————————————————————

TRAILER REEL

——————————————————————————————————

Star Trek CONTINUES WEBSITE
http://www.startrekcontinues.com

intro
DOWNLOAD DE TODOS OS EPISODIOS
FORMATO DVD ou BLURAY com legendas (PT incluido) + Extras.

O site disponibiliza tudo isto grátis.
Vão buscar:

https://www.startrekcontinues.com/downloads.html

star-trek-continues-download
——————————————————————————————————

IMDb – Star Trek CONTINUES
http://www.imdb.com/title/tt2732442

——————————————————————————————————

Star Trek CONTINUES – TODOS OS VIDEOS NO YOUTUBE
https://www.youtube.com/user/StarTrekContinues

Star Trek CONTINUES – YOUTUBE BEHIND THE SCENES
https://www.youtube.com/playlist?list=PLhvh2eq-XLgoGeUYCTJFuX1a-Zdam89n-

STUDIO SET FULL TOUR

O FIM DE UMA AVENTURA

 

——————————————————————————————————

——————————————————————————————————

Se gostou deste poderá gostar de :

capinha_STAR TREK Capinha_Star Trek Continues.png

—————————————————————————————————–

 

%d bloggers like this: